Aps 5 anos congelada, passagem estudantil em Teresina deve ser reajustada em 2017 - Portal RV

Economia

28/12/2016 s 23h12 - Atualizada em 28/12/2016 s 23h12

Aps 5 anos congelada, passagem estudantil em Teresina deve ser reajustada em 2017

Rodrigo Quixabeira
Uruui - PI

Depois de 5 anos congelada, a passagem estudantil em Teresina deverá ser reajustada em 2017. Atualmente, o valor pago pelo estudante é de R$1,05. De acordo com o diretor administrativo da Strans e membro do Conselho Municipal de Transporte, Ricardo Freitas, o valor, juntamente com a tarifa integral do ônibus, passará por reajuste. 


“A passagem estudantil vai aumentar, mas não na mesma proporção. Isso é um compromisso do prefeito, que já tem um tempo, em que o estudante não mais pagaria 50% de reajuste. Provavelmente, o valor a ser pago pelo estudante ficará no nível da inflação”, comentou o diretor, sem citar um valor exato. 


Somente o valor sobre a nova tarifa de ônibus foi divulgada, a proposta da Prefeitura de Teresina é R$ 3,30. Ricardo explicou que as empresas chegaram a pedir aumento maior do que os R$ 0,55 sobre os R$ 2,75, que é o atual valor da passagem. Um dos valores pedidos foi de R$3,37. 


Todas as planilhas de reajuste no valor a ser cobrado ao passageiro já estão discussão no Conselho. Além da de ônibus, o reajuste tarifário nos táxis e mototáxi também estão em análise. 


De acordo com Ricardo Freitas, as planilhas são elaboradas pelo corpo técnico da Strans e pela divisão de administração tarifária que ao longo do ano recolhe dados operacionais, administrativos e financeiros que possam se inserir na planilha, incluindo os insumos. “Depois são enviadas ao Conselho para fazer a analise, que depois é encaminhado ao prefeito da cidade para que tome a decisão sobre o reajuste”, disse o conselheiro. 


“Nós temos cada vez mais segurança nos dados dessa planilha por causa da bilhetagem eletrônica e das tecnologias que vem sendo adotadas, tanto com relação a frotas, quilometragem, passageiros como os gastos das empresas. Isso vale para ônibus, taxi e mototáxi. As planilhas detalham custos fixos e variáveis”, declarou Ricardo, destacando que o material da planilha é público. 

Comentários

Veja também

Portal RV
Editoriais
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados